19/10/2023 às 15h38min - Atualizada em 19/10/2023 às 15h36min

Audiência pública sobre Programa de Drenagem de Manejo acontece no CEPT de Itaipuaçu

M.A. - redacaomarica.com.br

A Prefeitura de Maricá, por meio da autarquia de Serviços de Obras de Maricá (Somar), realizou a terceira audiência pública do Programa de Drenagem de Manejo de Águas Pluviais de Maricá. O encontro aconteceu na terça-feira (17/10) no Campus de Educação Pública Transformadora (CEPT) Leonel Brizola, em Itaipuaçu, e contou com a participação de moradores que ouviram atentos às explicações dos especialistas em drenagem e planejamento urbano. O plano terá metas de curto, médio e longo prazo que visam à adequação das redes de drenagem do município.

Durante a reunião os profissionais apresentaram os estudos que apontam as causas das enchentes e um conjunto de alternativas possíveis para solucionar ou minimizar as inundações recorrentes naquela área. Entre as ideias expostas estão os “jardins de chuvas”, áreas verdes a serem criadas e mantidas para a absorção da água pluvial nas ruas da cidade. Essas áreas de contenção serão criadas em pontos estratégicos do município, o que deve permitir o controle do fluxo dos rios e das enxurradas que se formam em determinadas áreas.

Região suscetível às enchentes

O engenheiro e professor da Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Marcelo Miguez, que é um dos principais estudiosos do assunto, classificou a região sul do município como uma das mais suscetíveis às enchentes por abranger um território muito plano e que, em grande parte, se encontra numa cota muito próxima ao nível do mar. “Além disso, alguns dos lagos e rios ali existentes estão bastante assoreados e não oferecem uma boa drenagem especialmente para a água das chuvas torrenciais, cada vez mais afetadas pelas mudanças climáticas”, explicou.

As obras a serem realizadas na cidade para mitigar os problemas causados pelas inundações serão baseadas nos dados técnicos obtidos a partir desses estudos. As soluções devem respeitar as áreas verdes existentes no município e que podem servir para a absorção da água das chuvas.

“Os estudos foram realizados com o apoio dos integrantes do Programa de Drenagem de Maricá”, explicou o diretor de obras indiretas, Gustavo Camacho.

O próximo encontro será no dia 24/10, das 18h às 21h, no auditório do Banco Mumbuca, localizado na Rua Eugênia Modesto da Silva, 293, Centro. Neste dia será apresentado um quadro geral da situação do município em diferentes cenários, com vistas à criação do plano de ação a ser adotado.

Todo o conteúdo apresentado nas audiências públicas, incluindo as apresentações, está disponível no site: www.maricaprogramadrenagem.com.br

Encontros anteriores

A 2ª audiência pública sobre o Programa de Drenagem e Manejo de Águas Pluviais de Maricá aconteceu no último dia 10/10 no Centro Educacional Infantil Municipal (CEIM) Marilza Conceição Rocha Medina, em Cordeirinho, e foi marcada pela exposição de possíveis estratégias que estão sendo estudadas para a melhoria das condições de absorção dos volumes de água de chuva que afetam o município.

Já a primeira audiência pública aconteceu no mesmo local, no mês de setembro, quando foram apresentadas as etapas que antecedem a elaboração do Programa de Drenagem e Manejo de Águas Pluviais de Maricá.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://redacaomarica.com.br/.
Redação Maricá Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp